h1

Características das vítimas

Existem vários tipos de vítimas como analisou, Olweus, que se diferenciam em função dos mecanismos de resposta que desenvolvem mediante as ameaças: vítimas activas ou “provocatórias” e vítimas passivas.

As primeiras apresentam uma combinação de ansiedade e de reacção agressiva e utilizam o agressor para desculpar a sua própria conduta. Por vezes são crianças com problemas de concentração, sendo muitas vezes apontados como hiperactivos e provocam habitualmente reacções negativas nos seus companheiros.

A vítima com este perfil recorre à violência como resposta à própria violência e por vezes eles próprios se transformam em potenciais intimidadores no futuro.

Por outro lado a vítima passiva é a mais comum. São sujeitos inseguros, tímidos, retraídos, não denunciam o agressor e têm dificuldades em relacionar-se com os outros. A nível físico são, geralmente, mais jovens ou mais frágeis que o agressor e por vezes apresentam problemas de psicomotricidade ou coordenação.

 

%d bloggers like this: